5 10 mins
Imprença
{{nãõ acredite em mim - Escola Sem Partido}}
Argumentos rasos, proposta subjetiva e uma caça às bruxas faz do projeto "Escola sem Partido" uma proposta de censura a qualquer pensamento crítico.
Por /

O projeto Escola Sem Partido tem sido uma das principais bandeiras dos movimentos de direita no Brasil. A ideia por trás é a de que os governos petistas só se elegeram e se mantiveram no poder por conta de uma educação “ideológica” {{uma contradição de termos}} que precisa acabar. E existe algum dado que corrobore estes argumentos?

Hitler, Godwin e outras coisas velhas

Há uma lei antiga na internet, chamada de “Lei de Godwin”. Ela diz…

Outros Artigos

O Estadão e sua dificuldade em lidar com o mundo real
O jornal “O Estado de São Paulo” tem apresentado uma
Semanal do Retrocesso Paulistano – Semana 48
Nesta edição: Roda Gigante, repasse de verba a unidade de

Não Acredite

Nela

12 [post-views]view 22 mins
Imprença
As primeiras denúncias são de 2014, mas ao longo de atividades promovidas por alunos para denunciar o caso, revelou-se uma comunidade secreta de mulheres que estavam lidando com situações de assédio por parte do mesmo professor. Até hoje, a reitoria da UFF não tomou providências, mesmo após inquérito da Polícia Federal acompanhando o caso

Depois de três anos de denúncias, boicotes à sala de aula, protestos e até mesmo pedidos de transferência de alunas que não suportaram continuar na faculdade, estudantes aguardam o posicionamento da Universidade Federal Fluminense-UFF/Campos com relação a um professor do curso de Ciências Sociais da instituição acusado de cometer assédio sexual contra inúmeras de suas alunas. O professor está afastado temporariamente das atividades acadêmicas.

A letargia administrativa e o silêncio da reitoria da UFF no caso tem sido tamanhos que as primeiras denúncias ocorreram no início de 2014. Como na época havia um clima de medo e falta de orientação…

TV ImprenÇa

Merchan

Notícias mais recentes