O IBAMA divulgou um alerta em entrevista coletiva dada esta tarde a respeito de uma doença que tem afetado todos os tucanos brasileiros. A doença chamada Delirium Esquecidius é transmitida por uma bactéria presente em praticamente todas as aves, já que vive no óleo das penas dos animais, porém apenas os tucanos têm sido contaminados.

Segundo o IBAMA a doença é altamente contagiosa não apenas entre tucanos mas também pode afetar seres humanos. Embora praticamente inofensiva aos tucanos {{segundo os veterinários os animais doentes passam a emitir sons estranhos irreconhecíveis aos animais saudáveis}}, a doença pode causar delírio de grandeza, amnésia seletiva e / ou delírios persecutórios em seres humanos.

A agência brasileira divulgou ainda que um famoso jornalista brasileiro está doente e precisando de tratamento, mas recusou-se a aceitar a medicação. O IBAMA não divulgou o nome do jornalista mas a reportagem apurou que trata-se de Reinaldo Azevedo, a revista Veja não confirma nem desmente.

Confira a nota oficial:

Nota de esclarecimento

A respeito da doença Delirium Esquecidius  o IBAMA esclarece (conforme já divulgado em coletiva à imprensa):

I – A bactéria causadora da doença está presente em praticamente todas as aves da fauna brasileira.
II – A doença foi registrada apenas na família dos Ramphastos (Tucanos) alterando os sons emitidos pelos animais.
III – O IBAMA esclarece que a doença afeta seres humanos e pode causar: delírio de grandeza, amnésia seletiva e / ou delírios persecutórios.
IV – Ainda não há tratamento eficaz para a doença mas os médicos aconselham a quarentena. Alguns remédios estão sendo testados para o tratamento da doença.
V- Um famoso jornalista foi afetado pela doença, mas seu nome será mantido em sigilo.

No mais, nos colocamos inteiramente à disposição para todo e qualquer tipo de esclarecimento.

Atenciosamente,

Curt Trennepohl
Presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama)

 

 

O "Notícias que gostaríamos de ler..." é uma seção de humor e não tem a preocupação de 
informar, mas fazer uma sátira, humor.

 

 

 

 

Compatilhar
Share

É curioso o bastante para falar sobre qualquer assunto e inteligente o bastante para saber que quase sempre estará errado.

  • “O ‘Notícias que gostaríamos de ler…’ é uma seção de humor e não tem a preocupação de
    informar, mas fazer uma sátira, humor.” Porque, né, tem que desenhar pra algumas pessoas notarem que é sátira. 😀